Université Holistique

Carmem Romani Sunacai

A Universidade Holistica Carmem Romani Sunacai

abre a sua 2º Sede com os Cursos e Atendimentos,agora em Paris.

Adresse.

114 bis, rue des Moines 75017- Paris

Workshop Astrologia Cigana

Workshop

Dia: 14/10/2017

Horário: 10:00 às 18:00 ( intervalo para almoço )

Desde os tempos antigos, que cada um dos 12 signos está ligado a uma parte do corpo. O primeiro signo, Áries, está associado à cabeça e o último signo, Peixes, está ligado aos pés. Os outros signos ligam-se a outras partes do corpo. Nos tempos primitivos, a astrologia estava ligada à medicina, principalmente aos humores, que têm semelhança com os quatro elementos: fogo, terra, ar e água (quente, frio, seco e úmido).

A astrologia mostra de forma rápida e simples o seu temperamento, e o seu caráter. Este temperamento determina o tipo de doenças que o homem irá desenvolver ao longo de sua vida.

Desta forma podemos fazer uma análise e podemos identificar as pré-disposições para as doenças.

Os ciganos, como todos os povos da Terra, amam a Deus. E através da observação dos astros criaram sua astrologia pouco ou nada divulgada no Ocidente. Não é uma ciência, como logicamente é a Astronomia. Como a astrologia dos caldeus, a dos ciganos tem também doze signos. Cada um deles tem suas características, planetas regentes, influências e lendas. Não nasceu, no entanto de Cláudio Ptolomeu que a criou dos restos das crenças babilônicas enquanto trabalhava na famosa Biblioteca de Alexandria. Foi criada pelos kakus (feiticeiros) ciganos em suas caminhadas pelas estradas banhadas de luar e pelas lendas vindas da velha e misteriosa Índia.

Cores, metais, pedras, plantas e animais foram ligados a cada planeta e a cada signo. A idêntica associação de ideias abrangeu as constelações do Zodíaco, que, em um estágio mais avançado da astrologia, foram colocadas em pé de igualdade com os planetas quanto à influência sobre os horóscopos individuais.

Os ciganos, como todos os povos místicos, levam a sério a astrologia. A astrologia antiga acreditava também na força dos quatro elementos: terra, água, fogo, ar. Tentando conhecer as leis dos céus ou suas regras, os ciganos, os caldeus, os magos e pensadores antigos buscavam encontrar respostas.

Cada povo viu as constelações a seu modo e deu nome aos signos a seu modo. Por exemplo: a constelação do hemisfério norte, chamada a Ursa Maior na América do Norte, é, na França, conhecida como a Caçarola. Assim os ciganos a chamam até hoje. Na Idade Média e para os ciganos kalderach, ela se chama a Carruagem. Os antigos gregos a chamaram de Ursa Maior. Assim, os nomes para as constelações e para os signos zodiacais podem mudar de povo para povo.

Faça a sua Reserva

Astrologia Cigana